NOSSA HISTÓRIA

Tudo começou pela inspiração de Deus ao coração do Padre Edimilson, sacerdote missionário da Comunidade Canção Nova que na ocasião exercia seu ministério na missão de São Paulo. Movido por um forte desejo de levar o Evangelho aos jovens dessa grande cidade, convidou três jovens: Cíntia, Léo e Du para iniciarem um pequeno grupo de partilha e oração.

No dia 04 de abril de 2008, reuniram-se pela primeira vez para partilhar a Palavra e levaram outros dois jovens para orar, louvar e adorar ao Senhor. O encontro aconteceu na capela da Rádio América, localizada na Vila Mariana e que havia sido adquirida a pouco tempo pela comunidade Canção Nova.

Sem violão, muitas vezes desafinados, louvavam a Deus na simplicidade, apenas com o desejo de estar na presença do Senhor e pedir a Deus pelos jovens dos quatro cantos da cidade.

O DESAFIO

Na semana seguinte, o Padre Edimilson propôs um desafio: que cada um trouxesse ao menos mais um jovem para participar do pequeno grupo.

Foram chegando mais pessoas até que a capela ficou pequena e os encontros passaram a acontecer na recepção da rádio. Em maio de 2008, a recepção também ficou pequena e os encontros semanais passaram a acontecer no Centro de Evangelização Padre Léo Pereira, também administrado pela Canção Nova. Ali, o grupo foi batizado de Jovens Sarados e passou a reunir jovens de algumas regiões de São Paulo aos domingos à noite.

No início de 2009, o Centro de Evangelização Padre Léo teve que ser fechado, por providência e intermédio de um jovem, fomos acolhidos na paróquia Nossa Senhora das Angústias pelo Padre Ademário, situada na Barra Funda onde estamos até hoje.

Ao longo do mesmo ano surgiram as primeiras missões: jovens que, ao se identificar com nosso estilo de vida, levaram essa proposta para outros bairros de São Paulo e até outras cidades. E hoje estamos presentes em vários estados do Brasil.

Dessa forma buscamos mostrar aos jovens que é possível ser jovem sem deixar de ser de Deus.

NOSSA MISSÃO

Evangelizar almas jovens sendo instrumentos para que elas recebam o batismo no Espírito Santo. E formando-os como cristãos para assumirem um novo modo de viver.

“Eu vos escrevi, jovens, porque sois fortes e a palavra de Deus está em vós e já vencestes o maligno” 1Jo 2,14

O TAU – A MARCA DA PROMESSA

“Não é um amuleto, mas um sacramental que nos recorda um caminho de salvação que vai sendo feito ao seguir, progressivamente, o Evangelho.

Usar o TAU é colocar a vida no dinamismo da conversão: cada dia devo me abandonar na Graça do Senhor, ser um reconciliado com toda a criatura, saudar a todos com a Paz e o Bem.”